31.05.2022
Diversidade

A educação e o prazer de testemunhar o aprendizado

Foi o prazer de acompanhar o desenvolvimento das crianças que encantou a professora de Santa Rosa (RS), Clarice Teresa da Silva Tomaz, e a fez persistir no magistério. Além da gratificação de testemunhar o aprendizado de seus alunos, celebra o fato de ser uma professora negra em meio a uma maioria branca. “É muito importante que eles tenham essa referência”, entende a educadora que não teve essa oportunidade durante a sua escolarização.

A professora, na conversa realizada para o MudaMundo TamoJunto, comemorou, também o fato de a personagem principal das histórias da série de livros do projeto ser um menino negro. “É muito importante trazer personagens negros e protagonistas, rompendo com as histórias tristes e sofridas, nas quais os negros não aparecem como heróis ou protagonistas”, reforça a educadora.

Ter contato com protagonistas negros, para a professora, é um direito das crianças brancas, também. Ela alerta que, muitas vezes, as crianças reproduzem o preconceito que aprendem em casa por não ter acesso à informação e à diversidade. Para saber mais sobre a trajetória e as ideias de Clarice, acompanhe aqui.

COMPARTILHE

COMENTÁRIOS: